quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

TSE libera posse de prefeito eleito de Saboeiro que teve contas rejeitadas


Após ter candidatura suspensa na Justiça cearense, o prefeito eleito de Saboeiro, Gotardo dos Santos (PSD), conseguiu liminar no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) autorizando sua posse. Com a decisão, ele deve assumir ainda nesta quarta-feira, 11, diminuindo para três o número de municípios do Ceará com gestores ainda “sub judice”.

Gotardo havia tido contas de campanha rejeitadas pela juíza eleitoral de Saboeiro, em decisão posteriormente referendada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE). O TSE, no entanto, entendeu que impedir a posse do prefeito eleito antes do julgamento final do processo causaria “dano irreparável” ao gestor.

A Corte também questionou pontos da decisão do TRE, como da existência de improbidade administrativa dolosa. Com isso, o prefeito foi autorizado a tomar posse liminarmente, mas continuará aguardando julgamento final de suas contas no TSE. No processo, a coligação “Por um Saboeiro Mais Feliz” negou as irregularidades.

Prefeitos sub judice

Além de Saboeiro, os municípios de Tianguá, Santa Quitéria e Barro vivem hoje situação semelhante. Com os prefeitos eleitos sob questionamentos da Justiça, as cidades correm risco de realizarem novas eleições até março. 



colaborou Amaury Alencar,Via O Povo